Unemat realiza live sobre oportunidades de pós-graduação e carreiras fora do Brasil

15/06/2021 18:31:51
por Nathaniel Zanferrari

O curso de Agronomia da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) em Nova Mutum realizará a live ‘Oportunidades de pós-graduação e carreiras fora do Brasil’, no dia 16 de junho, às 19 horas, pelo YouTube.

A carga horária certificada é de 2 horas.

Os interessados podem se inscrever até amanhã (16), pelo e-mail consciencia@unemat.br. As inscrições são gratuitas.

A live poderá ser assistida clicando aqui.

As palestrantes serão Eliza Alves Ferreira, Juliana Borio Ferreira Garcia e Juliana da Costa Ramos.

Eliza é graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e mestra e doutora em Biologia Celular e Molecular pela Universidade de São Paulo (USP), atualmente cursando pós-doutorado nos Estados Unidos.

Juliana Bório possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), e também possui mestrado e doutorado em Biologia Celular e Molecular pela USP, e atua como especialista de produto e gerenciamento de equipe na Sil Life Biotecnologia.

Já Juliana da Costa Ramos é graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Rio Grande (Furg), com período sanduíche na Universidade Tecnológica de Michigan (Michigan Tech), nos Estados Unidos e estágio na Universidade do Estado de Utah, também nos Estados Unidos, doutora em Biologia Molecular e Estrutural pela Universidade de Londres, no Reino Unido. Atualmente trabalha na empresa Qiagen, em São Paulo.

Por |2021-06-18T07:30:56-04:00junho 16th, 2021|Notícias|0 Comentários

Unemat realiza com sucesso campanha de doação de sangue em Nova Mutum

11/06/2021 11:21:31
por Hemília Maia

A campanha Multiplique! Doe Sangue! arrecadou, nesta quinta-feira (10.06), em Nova Mutum, 104 bolsas de sangue com o objetivo de ajudar abastecer os bancos de sangue dos hospitais de Cuiabá e Várzea Grande. A ação foi realizada pela Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), câmpus de Nova Mutum, em parceria com o Ama Centro Médico Laboratorial e o Instituto de Hematologia do Centro Oeste (IHEMCO), localizado em Cuiabá.

A coleta de sangue foi realizada no câmpus com todos os protocolos de biossegurança e cuidados sanitários exigidos, inclusive contra a Covid-19. A coleta de sangue e a triagem para o descarte de contaminantes coube ao Instituto IHEMCO.

A biomédica do Ama e coordenadora da ação, Anahy Gabriela Pasa, disse que as bolsas arrecadadas poderão ser utilizadas para salvar a vida de até 416 pessoas.

Os gestores da Unemat em Nova Mutum, professor Agilson Poquivique e Gicela Nicoletti, ressaltaram a importância da parceria da Ama e do IHEMCO  com a Universidade no desenvolvimento dessa ação de contribuição direta com a sociedade, assim como agradeceram a população de Nova Mutum e os técnicos da Unemat que abraçaram a causa ao doarem sangue.

Por |2021-06-18T07:33:29-04:00junho 11th, 2021|Notícias|0 Comentários

Unemat abre eleições para coordenadores de cursos de mais sete câmpus

31/05/2021 15:36:12
por Danielle Tavares

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) publicou, na última sexta-feira (28/05), os editais nº. 003, 004, 005 e 006/2021-Reitoria, para realização de eleição para o cargo de coordenador de curso dos câmpus de Cáceres, Tangará da Serra, Sinop, Alta Floresta, Barra do Bugres, Nova Mutum e Nova Xavantina.

São contemplados os seguintes câmpus/cursos:

Cáceres: Computação, Matemática, Ciências Contábeis, Direito, Letras, Pedagogia, Geografia, História, Agronomia, Ciências Biológicas, Educação Física, Enfermagem e Medicina.

Tangará da Serra: Agronomia, Ciências Biológicas, Enfermagem, Engenharia Civil, Administração – Agronegócio, Administração – Empreendedorismo, Ciências Contábeis, Jornalismo e Letras.

Sinop: Engenharia Civil, Matemática, Engenharia Elétrica, Sistemas de Informação, Administração, Ciências Contábeis, Economia, Letras, Pedagogia e Geografia.

Alta Floresta: Agronomia, Ciências Biológicas, Engenharia Florestal e Direito.

Barra do Bugres: Arquitetura e Urbanismo, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Produção Agroindustrial, Matemática, Direito e Computação.

Nova Mutum: Administração, Agronomia e Ciências Contábeis.

Nova Xavantina: Agronomia, Ciências Biológicas e Engenharia Civil.

As inscrições serão realizadas no período de 31 de maio a 7 de junho, exclusivamente de forma on-line, no endereço disponível clicando aqui.

Requisitos para candidatura. Os professores candidatos a coordenadores de curso devem atender aos seguintes requisitos: efetividade no cargo de Docente da Educação Superior da Unemat, com titulação mínima de mestre e, preferencialmente, lotação na faculdade ao qual o curso é vinculado.

Inscrições. 

É necessário preencher o formulário de inscrição e anexar em PDF: autorização para divulgação de atos eleitorais do candidato (conforme Anexo 2 do edital), proposta de trabalho (conforme Anexo 3), diploma ou ata de defesa que comprove a titulação e certidão emitida pela unidade de Recursos Humanos onde conste o vínculo de efetividade e o câmpus de lotação.

Datas das eleições:

22 de junho: Cáceres (Edital n. 003/2021);

23 de junho: Tangará da Serra (Edital n. 004/2021);

24 de junho: Sinop (Edital n. 005/2021);

24 de junho: Alta Floresta, Barra do Bugres, Nova Mutum e Nova Xavantina (Edital n. 006/2021).

Quem vota? Docentes lotados na faculdade, profissionais técnicos lotados no câmpus e discentes devidamente matriculados no respectivo curso de graduação. O eleitor que pertencer a mais de uma categoria (docente/PTES ou aluno) exercerá seu direito de voto em apenas uma delas, devendo no ato do voto fazer sua opção.

A eleição será realizada por meio de votação na modalidade remota, com utilização de ferramentas de tecnologia da comunicação.

O cargo de coordenador de curso da Unemat é para um mandato de dois anos, não se admitindo reeleição.

Por |2021-06-01T09:09:54-04:00junho 1st, 2021|Notícias|0 Comentários

Unemat oferta 123 vagas de estágio para acadêmicos em diferentes câmpus e reitoria

A Universidade do Estado de Mato Grosso abriu editais de contratação de estagiários em 10 dos seus câmpus, além da Reitoria. Ao todo estão sendo oferecidas 123 vagas de estágio entre contratação imediata e cadastro de reserva. Destas nove vagas são para pessoas com deficiência (PCD). Os interessados devem ficar atentos aos prazos dos editais que tem períodos de inscrições diferentes.

O prazo para inscrição as 62 vagas oferecidas em dois editais distintos para a Reitoria terminam nesta sexta-feira (21). Em outros casos as inscrições só começam daqui há alguns dias. Há vagas para estagiários nos seguintes câmpus: Alta Floresta, Alto Araguaia, Barra do Bugres, Colider, Diamantino, Juara. Médio Araguaia, Nova Mutum, Sinop e Tangará da Serra. Para acessar os editais, clique aqui.

Podem concorrer as vagas abertas os acadêmicos regularmente matriculados e que estejam comprovadamente frequentando cursos de graduação presencial ou a distância, oferecidos pela Unemat, desde que já tenha cursado no mínimo 300h e não esteja no último semestre para conclusão do curso de graduação do qual está matriculado.

Todos os candidatos deverão estar matriculados no curso correspondentes ao requisito estabelecido para cada vaga ofertada, lembrando que o Estágio Remunerado não deve ser confundido com o Estágio Curricular Acadêmico, obrigatório pelos Projetos Pedagógicos dos Cursos.

O estágio terá carga horária de 30 horas semanais, distribuídas em seis horas diárias. Os estagiários receberão bolsa mensal no valor de R$ 900, além de auxílio-transporte no valor de R$ 200.

Confira o período de inscrição para cada local de oferta e o número de vagas

Reitoria – inscrição de 17 a 21 de maio – 62 vagas – sendo 6 para PCD

Alta Floresta – inscrição de 20 a 26 e maio – 6 vagas

Alto Araguaia – inscrição de 31 de maio a 06 de junho – 6 vagas

Barra do Bugres – inscrição de 18 a 24 de maio – 13 vagas – sendo 1 para PCD

Colíder – inscrição de 20  a 25 de maio – 3 vagas

Diamantino – inscrição de 20 a 27 de maio – 4 vagas

Juara – inscrição de 24 a 30 de maio – 5 vagas

Médio Araguaia – inscrição de 18  24 de maio – 3 vagas

Nova Mutum – inscrição de 20 a 30 de maio – 4 vagas

Sinop – inscrição de 19 a 24 de maio – 9 vagas – sendo 1 para PCD

Tangará da Serra – inscrição de 19 a 25 de maio – 8 vagas – sendo 1 para PCD

Por |2021-05-21T08:29:19-04:00maio 21st, 2021|Notícias|0 Comentários

Oito pesquisadores da Unemat são contemplados no edital Fapemat de Extensão Tecnológica

19/05/2021 11:00:16
por Danielle Tavares

Oito docentes pesquisadores da Unemat tiveram o projeto comtemplado por meio do Edital Fapemat nº 003/2021 de Extensão Tecnológica, somando o valor global de financiamento na ordem de R$ 624.450,24. O resultado final foi publicado nessa terça-feira (18/05) e pode ser acessado clicando aqui.

O edital tem por objetivo acolher e apoiar projetos de extensão que visem o amparo da difusão de soluções tecnológicas junto a sociedade em atendimento as demandas sociais, culturais, econômicas e ambientais locais. Os projetos aprovados atendem a uma das linhas de atuação: Cadeias Produtivas Locais; Educação e Cultura; Tecnologia Social; Preservação e Conservação da Biodiversidade Mato-grossense, divididas da seguinte forma.

Cadeias Produtivas Locais

1) De autoria de Gilmar Laforga, o projeto “Agricultura de Baixo Carbono: aplicação da política pública e ações extensionistas na recuperação de pastagens degradadas na microrregião de Tangará da Serra”, foi aprovado com o valor de R$ 78.643; 2) “Extensão tecnológica: uma proposta participativa para o desenvolvimento da cadeia produtiva da teca”, de Leonarda Grillo Neves, com o valor de R$ 99.644,99.

Cadeias Produtivas Locais/ Educação e Cultura /Tecnologia Social/ Preservação e Conservação da Biodiversidade Mato-grossense

3) “Cartonera Indígena: Produção de livros artesanais em escolas e aldeias indígenas”, submetido pelo pesquisador Alexandre Mariotto Botton, com o valor aprovado de R$ 55.812,94.

Educação e Cultura

O Projeto 4) “Jovens cientistas: Desmistificando paradigmas na iniciação cientifica de jovens surdos e ouvintes”, de Sumaya Ferreira Guedes, aprovou o total de R$ 50.200; 5) “Cartilha de educação patrimonial e Cáceres/MT: uso da fotogrametria e a produção de desenhos artísticos como instrumento de fomento à preservação do patrimônio cultural e o fomento da educação básica pública”, de Adriana Nolibos Baccin, o total de R$ 72.263,82.

Preservação e Conservação da Biodiversidade Mato-grossense

6) “Etnoecologia e educação científica para o envolvimento em práticas de restauração ecológica”, de Antônio Francisco Malheiros, no valor de R$ 94.750,00.

Tecnologia Social

7) “Potencial do carvão de banana ativado na remoção (adsorção) de contaminantes da água”, de autoria do professor Tadeu Miranda de Queiroz, com valor aprovado de R$ 95.170,49; e 8) “Avicultura familiar da microrregião de Tangará da Serra: soluções para o desenvolvimento tecnológico econômico social e ambiental”, de Cristiane Regina do Amaral Duarte, com valor R$ 77.965,00.

Por |2021-05-19T11:03:19-04:00maio 19th, 2021|Notícias|0 Comentários

Unemat inicia aulas do período letivo 2021/1 nesta segunda-feira (3)

03/05/2021 11:28:10
por Danielle Tavares

O total de 11.285 alunos, matriculados em 3.608 disciplinas oferecidas de forma totalmente on-line, retomam às aulas nesta segunda-feira (03/05), dando início ao período letivo 2021/1, da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat).

No ano de 2020, a Unemat se adequou de forma rápida e os alunos puderam continuar seus estudos, também de forma remota (on-line) nos Períodos Letivos Suplementares (PLSEs), que ocorrem em três edições em 2020 e uma em 2021. Foram os PLSEs que permitiram a Unemat continuar com a formação de seus acadêmicos e devolver à sociedade mais de 1.000 profissionais formados.

Em 2021, serão oferecidos dois semestres letivos, com carga horária maior e com mais tempo para a oferta das disciplinas. O primeiro semestre (2021/1), será também ofertado de forma remota, com disciplinas on-line. O Calendário Acadêmico foi aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Conepe), em sessão realizada nos dias 17 e 18 de dezembro do último ano.

“Foi graças ao empenho de todos que a Unemat se reorganizou para ofertar os PLSEs e assim manter suas atividades de Ensino. Dessa forma, entramos em um grupo muito seleto de universidades públicas no País que estão com seus calendários letivos relativamente em dia, considerando a situação de pandemia pela qual estamos passando. Isso é resultado de um investimento de recursos e de muito trabalho para minimizar os prejuízos do processo de formação dos nossos alunos”, destacou o reitor Rodrigo Bruno Zanin.

De acordo com o reitor, os dados positivos são resultado do trabalho de gestores, professores e técnicos. “A Unemat teve que se reinventar. Adequamos nossas atividades pedagógicas, administrativas e investimos em tecnologia de informação para possibilitar as condições necessárias para acolher nossos acadêmicos”.

ASSISTA AO VÍDEO DE BOAS-VINDAS DO REITOR:

 

DOCENTES QUALIFICADOS- 

A Unemat tem 761 professores efetivos. Destes, 450 são doutores, 260 mestres e 43 graduados, com uma capacidade pedagógica, técnica e de experiência de docência de excelência no processo de formação dos acadêmicos.

Neste período letivo 2021/1, a universidade registrou o maior número de alunos matriculados, comparando-se com os três períodos letivos suplementares excepcionais (PLSE) do último ano. “Estes dados significam que a Unemat está no caminho certo para possibilitar ao aluno seguir sua formação acadêmica”, destacou a vice-reitora Nilce Maria da Silva.

ASSISTA AO VÍDEO DE BOAS-VINDAS DA VICE-REITORA:

 
Por |2021-05-05T06:26:53-04:00maio 5th, 2021|Notícias|1 Comentário

Unemat lamenta morte do egresso Eliseu Araújo Sobrinho

15/04/2021 10:23:43
por Lygia Lima

A Universidade do Estado de Mato Grosso lamenta a morte de Eliseu Araújo Sobrinho, 48 anos, ocorrido na noite desta quarta-feira (14) em Nova Mutum em decorrência de um câncer. Eliseu era egresso do curso de Administração do câmpus de Nova Mutum, tendo concluído sua formação na Unemat em 2016.

Enquanto acadêmico militou no movimento estudantil sendo presidente Centro Acadêmico-Diretório Central dos Estudantes. Atualmente era presidente da Cooperativa Mutuense de Trabalho (Comuserv).

O sepultamento ocorre na manhã desta quinta-feira (15) em Nova Mutum.

Aos familiares e amigos, a Unemat manifesta solidariedade e se junta a eles nesse momento de tristeza e dor.

Por |2021-04-15T16:06:49-04:00abril 15th, 2021|Notícias|1 Comentário

Unemat divulga novo cronograma de ingresso pelo SiSU

12/04/2021 18:15:02
por Nataniel Zanferrari

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) publicou hoje edital complementar que define o novo cronograma de ingresso pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU), após a alteração de datas feita pelo Ministério da Educação na noite da última sexta-feira (9).

O edital também estabelece que tanto as matrículas quanto as bancas de verificação de cotas raciais e para pessoas com deficiência serão realizadas de maneira virtual, devido à atual situação da pandemia de Covid-19.

Os procedimentos para ambos os casos estão definidos no edital complementar , que pode ser acessado clicando aqui.

NOVO CRONOGRAMA

As inscrições no SiSU ocorrerão até quarta-feira, dia 14 de abril..

Quem desejar participar da Lista de Espera para a 2ª Chamada deve manifestar interesse pelo site do SiSU de 16 a 23 de abril.

O resultado da 1ª Chamada será publicado na sexta-feira, dia 16 de abril, e os aprovados devem realizar a matrícula de 19 a 23 de abril.

O procedimento de verificação para estudantes negros e estudantes com deficiência será entre os dias 27 e 30 de abril, com divulgação do resultado do procedimento no dia 3 de maio.

A 2ª Chamada ocorrerá no dia 27 de abril.

As aulas iniciam no dia 3 de maio.

O novo cronograma completo de inscrição, seleção e matrícula dos estudantes, bem como as datas de publicação, matrículas e bancas de verificação de todas as chamadas está disponível no edital complementar, que pode ser acessado clicando aqui.

Para conferir o edital original, com as informações dos cursos oferecidos pela Unemat para ingresso em 2020/1 por meio das notas do Enem, clique aqui.

SISU

A Unemat oferece 2.520 vagas para ingresso no período letivo 2021/1 para quem realizou o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) deste ano. São 61 cursos de graduação presencial da Instituição e a seleção é feita por meio do SiSU do Ministério da Educação, que utiliza as notas do Enem.

COTAS

Além das cotas para alunos oriundos de escolas públicas, dentro das quais estão inseridas cotas para indígenas e para estudantes pretos ou pardos, a Unemat também passou a incluir reserva de vagas para pessoas com deficiência (PCD) a partir do ano passado.

Com a nova política, 60% das vagas ficam reservadas para alunos oriundos de escolas públicas e 40% das vagas para ampla concorrência. Dentre as vagas reservadas para alunos da rede pública de ensino, estão inseridas as cotas do Programa de Integração e Inclusão Étnico-Racial (Piier) para pretos e pardos e para indígenas, bem como as cotas para pessoas com deficiência.

Cursos com 30 vagas reservam 18 vagas para alunos de escola pública, das quais 8 são para pretos e pardos, 1 para indígenas e 1 para pessoas com deficiência, com 8 para os demais candidatos. 12 vagas serão destinadas à ampla concorrência.

Em cursos com 40 vagas, 24 são reservadas para alunos que cumpriram integralmente o Ensino Médio em escola pública. Destas 24 vagas, 10 são para estudantes negros, 2 para estudantes indígenas, 1 para estudantes com deficiência e 11 para os demais candidatos. A ampla concorrência terá 16 vagas.

Já nos cursos de 50 vagas, a ampla concorrência terá 20 vagas, enquanto os alunos de escola pública terão 30. Destas 30, os candidatos pretos e pardos terão 13 vagas, os candidatos indígenas terão 2, as pessoas com deficiência terão 1 e os demais estudantes de escola pública terão 14 vagas.

Ao todo, 123 vagas são destinadas para indígenas, 633 vagas para estudantes pretos ou pardos, 62 para pessoas com deficiência, 694 para alunos da rede pública e 1.008 para ampla concorrência. As vagas estão distribuídas em 62 cursos, divididos entre 12 câmpus da Unemat.

CURSOS OFERTADOS

Administração: Diamantino, Juara, Nova Mutum, Sinop, Tangará da Serra/Matutino e Tangará da Serra/Noturno

Agronomia: Alta Floresta, Cáceres, Nova Mutum, Nova Xavantina e Tangará da Serra

Arquitetura e Urbanismo: Barra do Bugres

Ciência da Computação: Alto Araguaia, Barra do Bugres e Cáceres

Ciências Biológicas: Alta Floresta, Cáceres, Nova Xavantina e Tangará da Serra

Ciências Contábeis: Cáceres, Nova Mutum, Sinop e Tangará da Serra

Ciências Econômicas: Sinop

Direito: Alta Floresta, Barra do Bugres, Cáceres, Diamantino, Pontes e Lacerda e Rondonópolis

Educação Física: Cáceres e Diamantino

Enfermagem: Cáceres, Diamantino e Tangará da Serra

Engenharia Civil: Nova Xavantina, Sinop e Tangará da Serra

Engenharia de Alimentos: Barra do Bugres

Engenharia de Produção Agroindustrial: Barra do Bugres

Engenharia Elétrica: Sinop

Engenharia Florestal: Alta Floresta

Geografia: Cáceres e Sinop

História: Cáceres

Jornalismo: Tangará da Serra

Letras: Alto Araguaia, Cáceres, Pontes e Lacerda, Sinop e Tangará da Serra

Matemática: Barra do Bugres, Cáceres e Sinop

Medicina: Cáceres

Pedagogia: Cáceres, Juara e Sinop

Sistemas de Informação: Sinop

Turismo: Nova Xavantina

Zootecnia: Pontes e Lacerda

CURSOS OFERTADOS (por câmpus)

Alta Floresta: Agronomia, Ciências Biológicas, Direito e Engenharia Florestal

Alto Araguaia: Ciência da Computação e Letras

Barra do Bugres: Arquitetura e Urbanismo, Ciência da Computação, Direito, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Produção Agroindustrial e Matemática

Cáceres: Agronomia, Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Direito, Educação Física, Enfermagem, Geografia, História, Letras, Matemática, Medicina e Pedagogia

Diamantino: Administração, Direito, Educação Física e Enfermagem

Juara: Administração e Pedagogia

Nova Mutum: Administração, Agronomia e Ciências Contábeis

Nova Xavantina: Agronomia, Ciê ncias Biológicas, Engenharia Civil e Turismo

Pontes e Lacerda: Direito, Letras e Zootecnia

Rondonópolis: Direito/Matutino e Direito/Noturno

Sinop: Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Geografia, Letras, Matemática, Pedagogia e Sistemas de Informação

Tangará da Serra: Administração/Matutino, Administração/Noturno, Agronomia, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Enfermagem, Engenharia Civil, Jornalismo e Letras

Por |2021-04-13T10:31:26-04:00abril 13th, 2021|Notícias|0 Comentários

Inscrições para o curso Aprendendo a reciclar seguem até amanhã (23)

22/03/2021 09:34:03
por Hemilia Maia

O projeto de extensão Artesanato no Câmpus: aprendizado e lazer, da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) em Nova Mutum, realizará o curso “Aprendendo a reciclar – porta material”. O curso iniciará as 19 horas do dia 25 de março e ficará disponível até o dia 10 de abril pelo site lanalab.com.

O curso é gratuito e com carga horária de 10 horas. Os interessados podem se inscrever nos dias 22 e 23 de março, clicando aqui ou pelo site lanalab.com.

Os 10 primeiros inscritos, residentes em Nova Mutum, ganharão um Kit de material para produzir o porta material, que deverá ser retirado junto ao projeto de extensão.

Por |2021-03-22T15:01:55-04:00março 22nd, 2021|Notícias|0 Comentários

Vereadores pedem parceria entre Unemat e Empaer para desenvolvimento da Agricultura Familiar de Nova Mutum

19/03/2021 16:50:00
por Diego Weber- Gilmar Alves-SECOM|CMNM

Os vereadores Altair Albuquerque, Elenilson Tilit, Lurdes Costa Marques, Dra. Vera, Osmar Isoton e Romeu Belém apresentaram a solicitação para que a da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente firme um termo de cooperação entre a Universidade do Estado de Mato Grosso – Unemat e a Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural – Empaer. O objetivo é desenvolvimento da Agricultura Familiar em Nova Mutum.

Para os vereadores o termo possibilitará o desenvolvimento de projetos para agricultura familiar em Nova Mutum. Para isso é necessário desenvolver estratégias de ensino, pesquisa e extensão, visando o desenvolvimento da agricultura familiar, agroecologia e a economia solidária.

Por entender que as famílias vivem da venda de produtos oriundos da agricultura os vereadores votaram pela aprovação e encaminhamento do pedido (indicação nº 38/2021), apresentada durante 7ª Sessão Ordinária (15.mar.2021) pela celebração do termo.

Com uma proposta de mobilização coletiva, de forma participativa será possível maximizar a produção agrícola familiar, segundo os autores.

Por |2021-03-20T16:14:15-04:00março 20th, 2021|Notícias|0 Comentários
Ir ao Topo